segunda-feira, 29 de julho de 2013

O Filósofo e o Conservador Liberal

"Por que quase todos os jornalistas chamam a esquerda de burra"? Pergunta o Filósofo. "É porque ser de esquerda é burrice"! Responde o Conservador Liberal. "Mas por que ser de esquerda é burrice"? Insiste o Filósofo. "Ora, é burrice em acreditar em algo que fracassou". Responde o Conservador Liberal, com um tom de ironia. "Mas por que a esquerda fracassou"? Insiste o Filósofo. "Fracassou porque os regimes comunistas se mostram autoritários, desiguais e criminosos para com os direitos humanos". Responde rispidamente o Conservador Liberal. "Mas isso ocorre também quase o tempo todo nos regimes democráticos liberais. Quer dizer que a democracia liberal-parlamentar também fracassou"? Questiona o Filósofo. O Conservador Liberal bastante impaciente, respirou fundo e disse: "Nada disso! É verdade que a grande maioria das pessoas não tem acesso aos bens econômicos, aos bens sociais, aos bens culturais, e nunca vai ter. É verdade que a maioria nunca vai ter uma casa própria e emprego com salário digno, claro isso 'se' elas 'não batalharem'. É verdade a maioria das pessoas nunca vai pisar numa universidade, a não ser para limpar os banheiros e as salas. É verdade que o salário da maioria da população mundial se somado junto não dá um terço da quantia da fortuna dos Bancos e das Multinacionais. É verdade que por um motivo legitimamente econômico os Estados se esforçam para garantir os direitos das classes dominantes e os deveres das demais classes que não tiveram a mesma sorte ou 'mérito'. É verdade também que a maioria dos países lutam contra a miséria econômica e ecológica produzidas pelos países de Primeiro Mundo. Mas isso absolutamente não quer dizer que o liberalismo fracassou. Não seja tão burro Filósofo em acreditar na esquerda. Faça como eu: para garantir meus privilégios repito aos quatro cantos que toda a utopia oriunda da esquerda é burra!". Após ouvir isso o Filósofo cabisbaixo voltou para o cemitério no qual havia sido enterrada a velha senhora chamada "Filosofia" , e com um tom de profunda tristeza, disse para si mesmo enquanto mirava o túmulo: "E eu, ingênuo, que pensava que a inteligência é uma categoria ética. Mas vejo que para eles não. Pior do que a morte de Deus só pode ser a ressurreição da barbárie". (Filósofo Jeverton Soares Dos Santos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário