domingo, 21 de julho de 2013

A seita que idolatra o capitalismo é restrita. Quando um funkeiro de pele "sujinha" e "semianalfabeto" sai por aí cantando canções de ostentação, a elite brasileira ( rica, branca, hétero e católica) esbraveja dizendo "que absurdo". Mas quando um "artista" de TV, ou alguém famoso aparece ostentando o que tem em programas como "ESTRELAS" ou "Vídeo Show", logo é aceito e torna-se membro de peso da religião capitalista. Só pode ostentar quem não tiver piedade por aqueles que nunca ostentarão: eis um mandamento da religião do capitalismo. (Filósofo Jeverton Soares Dos Santos)

Nenhum comentário:

Postar um comentário