quarta-feira, 1 de junho de 2016

Pelo Fim da Cultura do Estupro



Para saber mais sobre Cultura do Estupro assista este vídeo, para saber mais ainda assista também os vídeos desta lista:

1) Sobre o Estupro Coletivo no Rio de Janeiro ? Leandro Karnal e Oscar Schmidt no Jornal da Cultura https://www.youtube.com/watch?v=axi_6QOEDoY - SABER FILOSOFICO

2) PELO MENOS CALA A BOCA https://www.youtube.com/watch?v=oJS-Ea9O6-I - CAUE MOURA

3) Existe justificativa boa? (#Pirula 161) https://www.youtube.com/watch?v=97nVbG4qUk4 - PIRULA

4) Estupro e violência contra a mulher https://www.youtube.com/watch?v=tPwxZP9PkTo - Filósofo Paulo Ghiraldelli

* Peço desculpas pelas vezes que a língua enrolou e pronunciai errada a palavra 'estupro'... acontece.

** ATENÇÃO AMIGO YOUTUBER, marque esse vídeo como "Gostei", Favorite, se inscreve no canal FilosofiaHoje e divulga isso nos comentários que eu me inscrevo no seu canal!

-------------------------------------
Blog: http://www.filosofiahoje.com/
Face: https://www.facebook.com/FilosofiaHoje
Twitter: http://twitter.com/fabiogoulart_gt
Google+: https://plus.google.com/+FilosofiaHoje
You Tube: http://www.youtube.com/user/FilosofiaHoje/
-------------------------------------

-Vídeo do Vlog 100% original
***Tudo sob licença padrão do YouTube.



Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Mazah meu velho..canal fazendo o maior o sucesso. Sempre dou checada aqui e assisto os teus vídeos pra poder tirar uma melhor conclusão de determinados assuntos.

    Neste vídeo tu esclareceu pra mim de forma clara a visão da cultura do estupro. Embora não seja uma cultura ela existe de certa forma e é perpetuada em vários meios de comunicação e principalmente dentro da nossa casa. Contudo, creio que a vida desta jovem infelizmente estava de mal a pior e conseguiu chegar ao fundo do poço, penso eu que por causa de uma cultura familiar pobre a menina se perdeu neste mundo dos marginais que a gente sabe nunca tem um final feliz, não é ? Obviamente como criaste nada justifica o estupro de ninguém, e com acontecido creio que esta jovem deve estar muito mal, com isso tudo eu me pergunto : E a família??
    A moça era menor de idade, então ela não é responsável por ela mesma. A moça era usuária de drogas, será que os pais dela realmente se importavam com ela ?? Eu penso que como pai eu sou responsável pela educação e pelo que acontece com o meu filho, eu obviamente vou querer o melhor pra ele, então onde estariam os pais desta menina ?? O que eu posso deduzir disso é de que os pais desta menina estavam criando uma marginal, assim como os pais destes destes monstros que fizeram o que fizeram com ela. Temos no meu ver, um problema social muito grande, onde estas crianças largadas e abandonadas pelos pais ou responsáveis permissiveis estão encontrando no trafico e no mundo do crime uma "familia " que a acolhe e a "protege" e faz sentir-se "bem" algo que se talvez ela tivesse em casa, a vida dela não estaria de cabeça pra baixo como está agora. É ressalto que nada justifica o que fizeram com ela, pelo contrário acho que a morte seria pouco pra estes caras. Quanto a sexualidade nas escolas, acho complicado de ser ensinado até porque nossas opiniões são baseadas naquilo que pensamos e por tanta deixar isso a um professor pode ser prejudicial ou não, aliás os ensinamentos em casa podem ser também, não é? Então é complicado, mas ainda assim eu iria preferir a opinião sincera de um pai ou de mãe ao invés de terceiros, falando claro se ensino fundamental, creio que adolescentes já sabem discernir melhor algumas coisas de outras.
    Agora quanto aos ataques nas redes sociais das feministas, eu vejo honestamente falando muita mas muita bobagem, tem muitas pessoas que não estão sabendo diferenciar do homem ser um potencial estuprador do todos são estupradores. Recentemente eu li um texto que a autora dela praticamente atacava os homens com coisas do tipo: você quando sentar num ônibus sente do lado de outra mulher; tenha cuidado até com homens gays; ou a clássica: porque eles se acham no direito de comer todo mundo e podem querer te forçar se tu não quiser. Pior ainda é ver que tem muita gente que curte isso é comenta e comenta coisas do tipo:" homens não deveriam existir". Então este feminismo hoje ele está sendo mais preconceituoso do que conceituoso. Elas estão muito mais prejudicando do que ajudando com estes comentários, e vejo que muitas estão atribuindo seus ódios por relacionamentos com homens no passado ou até mesmo presente do que com as causas ao qual o feminismo atribuí. Por isso eu relato que o povo mesmo perdeu a noção do que é certo e do que é errado.

    ResponderExcluir