segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

Discurso padrão contra os Rolés

Isto tem que acabar! É uma verdadeira vergonha! Centenas de jovens desocupados estão invadindo os Shoppings de nossas cidades e perturbando as FAMÍLIAS que tentam ter um pouco de LAZER nestes que são os últimos recantos de SEGURANAÇA e tranquilidade de nossas violentas cidades. Impedir a entrada destes ARRUACEIROS não é mais que DEVER das autoridades, não podemos deixar que mais este refúgio seja VIOLADO. Não podemos fechar os olhos para o perigo que isto esconde. Se o TUMULTO por si só já não fosse suficiente eles ainda tomam conta das praças de alimentação e começam a tocar e dançar MÚSICAS ritualísticas que FEREM OS PRINCÍPIOS RELIGIOSOS de quem não concorda com aquilo. Música a TODO VOLUME que prejudica a ECONOMIA local e também os próprios trabalhadores oprimidos que não conseguem VENDER enquanto esta BAIXARIA acontece.  Vou parar de escrever e postar um vídeo deste absurdo para que vocês tirem a própria conclusão: http://youtu.be/M01Wmaj4kkQ?t=39s  Daí vem intelectuais de esquerda querendo dizer que isso é ódio de classes, que é fascismo, que é preconceito, Estamos apenas LUTANDO PELA FAMÍLIA E PELOS BONS COSTUMES, é claro que se fossem pessoas de OUTRA COR, outra CLASSE SOCIAL, outro tipo de MÚSICA, nós que apenas defendemos OS SEUS DIREITOS agiríamos da mesma forma. O Shopping é lugar de TRABALHO E LAZER, façam isso em outro lugar. (Exemplo de Discurso padrão contra os Rolés – Não esqueçam de assistir o vídeo antes de comentar)  
entendedores entenderão as ironias...

Nenhum comentário:

Postar um comentário