segunda-feira, 7 de outubro de 2013

Rato na Coca-Cola e O seu sistema de qualidade sem erros...

Esta onda de animais mortos em produtos industrializados me faz lembrar do conto kafkaniano chamado "Na colônia penal". Nesta história é apresentada uma máquina de matar "perfeita", no sentido de ser criada para não falhar, para não dar nada errado no momento da execução. No entanto, ela falha ao matar o general que tanto a amava. É interessante que os controles de qualidades, máquinas institucionais que são criadas para evitar qualquer erro, assim como a dúvida cartesiana, falham em evitar que a podridão da exploração continue debaixo dos tapetes dos impérios democráticos. (Filósofo Jeverton Soares Dos Santos – Da página Filosofia Hoje )

Nenhum comentário:

Postar um comentário