domingo, 9 de setembro de 2012

Horário Eleitoral Gratuito e Obrigatório - O Som da Verdade #5

Enfim chegou o horário eleitoral, com seus novos candidatos e com ideias nem tanto é verdade, mas é um dos meios fornecidos para que todos nós possamos escolher em quem votar.
Obviamente que com estas propagandas exibidas no rádio e televisão, deveríamos obter a apresentação dos programas políticos, propostas e os planos de desenvolvimento de cada um.
Entretanto, o que observamos por parte dos candidatos a vereadores, são rimas, músicas chavões, jingles e o número.
Claro! O numero é o que eles precisam passar é o mais importante, pois é com ele que ganharão os votos e: “- A propaganda é a alma do negócio” e o tempo disponível é muito curto.
Já está na hora de progredirmos neste tema, pois a eleição, bem como o horário eleitoral é algo imposto e compulsório, mas como uma pessoa pode se interessar por política desta maneira?
Não será por isso que poucas pessoas levam a sério a politica em nosso país?
Em minha singela opinião, este é um ano diferente em que os candidatos a prefeitura de Porto Alegre estão mais preparados, me refiro a todos eles mesmo, isso não é nenhum presente ou bondade é apenas a consequência da realidade.
Acredito que estamos ficando mais exigentes, pelo menos em Porto Alegre, não quero ser tão otimista a ponto de generalizar, mas até pelo tempo de governo do último partido há um sentimento e necessidade geral que haja uma inovação na prefeitura de Porto Alegre e se alguém pretende ganhar esta disputa, precisa vir muito bem munido de muita atitude, muitas boas ideias e também com bons argumentos.
Não que os governos anteriores não tenham feito um bom trabalho, alguns deles pelo contrário, fizeram excelentes realizações, mas são sempre os mesmos, já é hora de mudar.
É necessária uma interação com os eleitores e um pensamento tecnológico, sem descuidar o básico dos problemas e das necessidades mais urgentes da capital.
Por outro lado, são poucos os candidatos a vereadores descentes e isso é algo que indigna a todos, pois ninguém quer perder tempo com palhaçada, precisamos de bons candidatos.
Temos que ficar cada vez mais exigentes mesmo, nosso papel é não só escolher os melhores ou ainda os “menos piores” candidatos para nos representar, mas precisamos também fiscalizar, tomar parte neste processo democrático, mesmo que seu voto seja em branco, pois afinal de contas a democracia permite esta atitude e é o livre exercício de seu pensamento de sua escolha, pois se não se sentir representado por ninguém este é o caminho.
O que não podemos deixar de fazer é cumprir este nosso dever e com muito otimismo e fiscalização é provável que as coisas melhorem sim, somos a sexta maior economia do mundo e Porto Alegre é uma das cidades mais importantes do Brasil.
Chega de candidatos fantasiados, de apelos indesejados, de sujeira nas ruas, vamos avançar!
Agora nossa contribuição sobre as eleições municipais de 2012, acesse os links abaixo, para saber:

Autor: Fábio Fleck

Nenhum comentário:

Postar um comentário